terça-feira, 6 de março de 2012

falam,falam, o tempo todo mais não tem nada a dizer


"Todos falaram coisas que não sabiam, criaram uma grande
historia em cima dela. A intimidaram. Ela não queria que ele soubesse que tinha
ido até sua casa naquela noite. Nada tinha acontecido, mas ninguém acreditaria
em uma garota que até um tempo atrás não era ninguem. E ele. Ele era o amor da
vida dela, o carinha que todas as meninas queriam e que por alguma coisa ela
havia conquistado. Ela tinha medo da reação dele, tinha medo de o perder. Queria
ir embora, queria fugir dali - tarde demais! . Ela o viu, viu também todos os
seus amigos indo em volta dele, falando coisas que ele não sabia, falando sobre
coisas que ele com certeza odiaria saber. Odiaria o fato de ter tido companhia
naquela noite e nem saber disso, odiaria o fato de que todos diziam que eles
tinham feito amor. Odiaria saber verdader erradas, e ela odiaria que descobrisse
verdades falsas, verdades que não eram deles, e sim de outras bocas, outras
vidas.Ela não aguentou e foi chorar, saiu correndo para que ele
acreditasse no que quisesse, acreditasse em qualquer coisa. Os dois sabiam que
nada tinha acontecido, mas todos falavam que ela havia dito que a noite tinha
sido perfeita que tinham feito amor a noite toda, mas não. Ele entrou no
banheiro feminino atrás dela, ela chorava desesperada, com medo de qualquer
palavra que ele falasse, medo de que o ponto final da historia dos dois
estivesse ali, naquele lugar, naquele dia, naquela situação.- Chorando por que?- Porque todo mundo ta falando coisas que não sao
verdade, coisas que eu tenho medo de que você acredite.- Se você tem medo de que eu termine com você, pode ficar
tranquila.- Eu não quero te perder.- E não vai, eu sei que todo mundo ta falando coisas
erradas, mas eu não vou acreditar neles. Afinal a única coisa que realmente
importa nisso tudo somos nós dois e ninguém mais. E agora vai limpa esse rosto,
olha tua maquiagem ta toda feia, viu no que da ficar chorando?Ele a levantou e a segurou pela mão, foi só naquele dia
que ela percebeu que a vida dela seria diferente. Viu que alguém a amava de
verdade e que dessa vez não iria importar o que os outros dissessem, e sim o que
ele sentia. E ele a sentia, sentia que ela era sua para sempre"

Nenhum comentário:

Postar um comentário